Arquivo mensal: outubro 2014

Rumo ao sucesso!

Estou tão feliz!

Consegui o emprego que estava querendo tanto, no lugar que eu sonhava em trabalhar.

Sinto-me tão bem por isso. Fico tão orgulhosa de mim por ter acertado na minha escolha profissional. Nunca pensei que gostaria tanto de algo. Cada aula, cada trabalho, cada aprendizado faz meu coração bater mais forte, e meus olhos brilharem. Estou apaixonada pelo curso e quero estar apaixonada pela profissão. Quero poder usar os ensinamentos diários e ser reconhecida pelo meu trabalho. Quero fazer a diferença.

10615400_10152344903110841_5152201041230937514_n

Que Deus me ilumine e guie meus passos nessa nova jornada. Irei dar o meu melhor e fazer tudo que estiver ao meu alcance para ser uma profissional qualificadíssima e feliz!

Pedagogia

Escola dos meus sonhos!

Reggio Emilia. Depois que soube o que era, e o que existe lá, me encantei. É uma cidade italiana, onde existe a melhor forma de educação do mundo (na minha opinião, claro).

Na Itália não é obrigatório frequentar as escolas entre 0 e 6 anos, o que significa que não é obrigação do Estado, mas a gestão destas escolas é realizada indiretamente pelo Município com a participação de cooperativas educativas sociais. O Regimento de Reggio se baseia em três pilares: a educação é um direito, a educação é de responsabilidade da comunidade, da sociedade civil e dos governos e, a educação é um bem comum.

Em 29 de setembro de 2011 foi aberta a Fondazione Reggio Children-Centro Loris Malaguzzi, que já está em 34 países do mundo promovendo e divulgando a proposta educativa de Reggio.

Loris Malaguzi é estudioso da pedagogia de vanguarda da época: Piaget, Vygotsyk, Frenet, autores que não haviam sido traduzidos na Itália até esse momento, onde ele estava junto na iniciativa de criar uma escola com um projeto pedagógico de acordo com o que ele acreditava ser o melhor. Ele acreditava que o conhecimento é construído pela ação do sujeito. Crianças aprendem pelas experiências e nas experiências da ação e do fazer, elas conhecem o mundo como um pesquisador, curioso, atento.

O projeto pedagógico de Reggio Emilia mostra que o professor deve ser o mediador entre a criança e o aprendizado. Deve compartilhar com a criança os aprendizados diários e ser solidário.

Poema de Loris Malaguzzi, criador da abordagem reggiana na Itália.

A criança é feita de cem.

A criança tem cem mãos, cem pensamentos, cem modos de pensar, de jogar e de falar.

Cem, sempre cem modos de escutar as maravilhas de amar.

Cem alegrias para cantar e compreender.

Cem mundos para descobrir. Cem mundos para inventar.

Cem mundos para sonhar.

A criança tem cem linguagens (e depois, cem, cem, cem), mas roubaram-lhe noventa e nove.

A escola e a cultura separam-lhe a cabeça do corpo.

Dizem-lhe: de pensar sem as mãos, de fazer sem a cabeça, de escutar e de não falar,

De compreender sem alegrias, de amar e maravilhar-se só na Páscoa e no Natal.

Dizem-lhe: de descobrir o mundo que já existe e de cem, roubaram-lhe noventa e nove.

Dizem-lhe: que o jogo e o trabalho, a realidade e a fantasia, a ciência e a imaginação,

O céu e a terra, a razão e o sonho, são coisas que não estão juntas.

Dizem-lhe: que as cem não existem. A criança diz: ao contrário, as cem existem.

Flexibilidade!

Meu foco e minha meta, além de perder peso e ficar com o corpo que eu quero, é ganhar flexibilidade. Estou envelhecendo, e todo mundo sabe que quanto mais velhos ficamos, mais lento fica o metabolismo, e mais difícil é fazer o corpo se acostumar com mudanças. Sinto que estou atrofiando aos poucos, esse é um dos motivos pelo qual resolvi mudar.

Flexibilidade (1)

Hoje fui na primeira aula de exercícios de alongamento e aeróbicos. Serão apenas dois dias na semana, portanto nos outros, decidi fazer em casa mesmo.

Quero ser flexível… viva… inteira e ter fôlego pra tudo, até ficar velhinha!

et_asanas_nov_2010_186 exercicios-de-flexibilidade-em-casa_dt  flexibilidade YOGA-FLEXIBILIDADE-11

FOCO, FORÇA E FÉ!

Projeto corpo dos meus sonhos!

Faz quase um ano que comecei a engordar. Isso me assusta muito, porque eu sempre fui magra. É claro que não estou super gorda, mas o suficiente para me sentir mal. Muitas roupas não me servem mais, e o sutiã agora é 46 e olhe lá. Sinto até um pouco de vergonha. Sei que não tem nada de errado em ser um pouco mais cheinha. Mas pra quem sempre foi magra, é difícil se acostumar assim… e tem também outro agravante, mais importante que a aparência, que é a saúde. Estou brincando com ela, e isso não se faz.

Sendo assim, hoje, 12 de Outubro de 2014 será o dia de início da minha transformação, da minha reeducação alimentar e de deixar o sedentarismo pra lá. Meu projeto do corpo dos sonhos (dos meus sonhos). Eu não vou me pesar, e não vou tirar medidas.  Até porque, não vou fazer dietas, vou mudar meus hábitos pra sempre, que é o que deve ser feito. E com isso, irei emagrecer. Depois, entro em uma academia para fazer musculação ou alguma outra atividade mais interessante.

Hoje comecei bem…

Acordei 07:30, comi uma banana amassada com granola, e fui caminhar com o Luiz(uns 4,9 km), que está me ajudando nisso. Estou me sentindo super bem, e ativa. Tirei fotos de como estou hoje. Daqui a um mês tirarei novamente.

IMG_1456 IMG_1457 IMG_1458 IMG_1459

Bora lá, desistir jamais!!!

Novo recomeço!

IMG_1413

Já perdi a conta de quantas vezes decidi recomeçar. Inúmeras vezes mudei de ideia, mudei de jeito, mudei de gostos, mudei a minha vida mesmo.

Tem gente que acha isso errado, ou julga por achar que nunca sei o que quero. Não é bem assim. Eu apenas tenho coragem de mudar quando não estou satisfeita ou feliz com algo. Quantas pessoas conhecemos por aí, que vivem uma vida inteira da mesma maneira, por medo de melhorar, medo de arriscar. Continuam num emprego que não as faz feliz, continuam um relacionamento que não está mais dando certo, frequentam lugares que não se sentem bem, e tentam ser o que não são talvez para agradar os outros, ou porque não encontram a coragem que precisariam ter para chutar o balde, dar a volta por cima.

Eu sou o tipo de pessoa que não aguenta viver numa situação desagradável. Se eu discuto com alguém, preciso resolver, conversar para que tudo volte a ficar bem. Se estou em um emprego que não me traz satisfação, aquele emprego que faz a gente não querer levantar de manhã, e sente um aperto no peito no Domingo a noite por saber que vem mais uma semana pela frente, não fico nele. É claro, que existem casos e casos. Se a pessoa tem família para sustentar, ou algo assim, e não tem muito estudo para encontrar algo melhor, muitas vezes não tem escolha, senão continuar onde está. Mas se você corre atrás, estuda, procura melhor a cada dia, não há o que temer.

Outubro de 2014 – mais uma nova fase que se inicia na minha vida. É hora de ir atrás de novos horizontes, buscar experiências, estudar muito, melhorar. Sinto que o que Deus tem pra mim é muito melhor. E o caminho que estou percorrendo me levará à vida que me fará mais alegre, mais feliz.

images

Trabalho de faculdade

Eu já disse aqui o quanto estou apaixonada pelo curso que escolhi fazer. E que sinto que esse é o meu caminho.

Prova disso é a alegria que sinto quando realizo um trabalho, uma tarefa…

E um dos trabalhos desse semestre é nada menos que: criar um blog. Parece até que foi pensando em mim… hehehe

Esse blog, foi criado em equipe, e no decorrer do semestre, vamos postando os trabalhos propostos pela professora.

Estou bem feliz com essa oportunidade. Esse é o blog que fiz com minha equipe – que posso dizer, são minhas amigas. Pessoas incríveis que Deus colocou no meu caminho, e tive a felicidade de fazer amizade. Sei que é sincero, recíproco e para sempre.

http://filosofiadaeducacaoatps.blogspot.com.br/

Sem título